terça-feira, 3 de maio de 2016

Avivamento Bíblico



Atualmente o mundo precisa desesperadamente de um avivamento espiritual. A cada dia que passa mais se aproxima a volta do filho de Deus.

Muito se ouve falar sobre avivamento em nossos dias, mas será que ele realmente está acontecendo?

Muitos não sabem mas o primeiro registro de avivamento foi na época de Moisés, quando Bezalel, Aoliabe e outros escolhidos foram capacitados com  habilidade e talento para a construção da tenda e a arca da aliança. Bezalel foi o mais cheio do espírito santo .(Êxodo 35).

O segundo registro foi em números 11;24 -25. Quando O SENHOR desceu na nuvem. Falou a Moisés e tomou do Espírito que pairava sobre Moisés e o colocou sobre as setenta autoridades. Assim que o Espírito veio sobre essas pessoas, profetizaram; porém nunca mais tornaram a fazê-lo.
(Números, 11)

Outro registro de avivamento é quando Saul manda mensageiros atrás de Davi em 1 Samuel 19;21-24. Estes mensageiros começaram a profetizar simplesmente por estarem próximos a Samuel e outros profetas, e logo depois até o próprio Saul profetizou. 
Interessante também é o caso de Isaías, pois o próprio Deus o capacitou tocando sua boca com uma brasa viva
(Isaías 6;7).

Esses são alguns exemplos de pessoas que foram cheias do espírito santo no antigo testamento. Vejamos que o que aconteceu em Atos 2 não é tão diferente. 
Comparando o agir do espírito santo no antigo e no novo testamento, podemos observar claramente duas coisas: mudança e capacitação. 

É verdade que está escrito que o vento sopra onde quer e quando quer. Mas será que o agir do espírito de Deus muda conforme o tempo passa? Creio que não. 

Assim está escrito em lucas 24;49. 
''Eis que Eu sobre vós envio a promessa de meu Pai; contudo, permanecei na cidade, até que sejais revestidos do poder do alto!”
Mais uma vez vemos o espírito santo relacionado a capacitação.E foi exatamente o que aconteceu com os apóstolos e os outros discípulos. Repare que nenhum deles ficou jogado no chão  ou rodando.  Não,  muito pelo contrário. Imediatamente após a descida do espírito santo todos esses homens se tornaram capacitados para anunciar o evangelho, até mesmo em vários idiomas. 

A Palavra nos mostra que avivamento sem mudanças não existe. 
Creio no poder de Deus, afinal ele é o mesmo desde a criação do universo. 
O Espírito do Eterno não muda conforme o nosso gosto. 
Termino dizendo as seguintes palavras:
Não precisamos de novidades na igreja ,de novas unções  ou de novos tipos de avivamento. Precisamos sim clamar pelo avivamento Bíblico, sem ultrapassar aquilo que já está escrito. 

Amém. 
#DC

0 comentários:

Postar um comentário